quarta-feira, julho 02, 2014

Dicas de alimentação para Gestante Diabética

A alimentação de uma pessoa diabética deve ser rigorosa e bem balanceada. As fibras e alimentos integrais são a base que o diabético precisa não só para se manter bem nutrido, bem alimentando , mas também para ajudar no controle das taxas glicêmicas.

Essa gestação vem sendo um desafio em muitos pontos, mas um dos mais importantes é sem dúvida a alimentação. A insegurança é sempre presente, mesmo com toda orientação da nutricionista que me acompanha no pré natal, fico sempre com aquela sensação de "será que estou fazendo certo?".
Essa insegurança vem acima de tudo pelo fato de que cada corpo reage de uma forma a determinados alimentos,e  eu ainda estou aprendendo e identificando o que me prejudica mais e o que me prejudica menos.
Mas não dá pra encarar a comida como uma inimiga, só é preciso aprender a lidar com os altos e baixos que a diabetes nos traz.


Nesses seis meses de gestação, aprendi que para manter a glicemia sob controle, é preciso se alimentar de 3 em 3 horas rigorosamente. Três refeições maiores e três pequenas refeições devem ser feitas diariamente.

O café da manhã é a primeira refeição , mas também uma das mais perigosas. Como passamos muitas horas sem comer durante a noite, ao comer a primeira refeição o corpo eleva a glicemia afim de gerar energia para que possamos começar o dia bem dispostos. Para nós os diabéticos, essa forcinha da natureza pode ser desastrosa se a refeição não for extremamente balanceada. No meu caso, é o momento do dia em que como menos e também o que me deixa mais insegura.
Já fizemos várias alterações na insulina mas não tem jeito, de manhã o que me cabe é apenas uma fatia de pão integral sem adição de açúcar e uma caneca de leite desnatado, café e adoçante de sucralose. Qualquer grãozinho a mais que isso eleva a minha glicemia acima de 130.

Níveis glicêmicos ideias durante a gestação

Durante a gestação, os níveis glicêmicos ideias, ficam abaixo dos níveis aceitáveis normalmente.

Glicemia em Jejum da Gestante - entre 60 e  90 mg/dl
Glicemia pós refeição da Gestante- Até 130 mg/dl  ideal até 120 mg/dl

Aos poucos estou me adaptando aos alimentos que me ajudam e aos que me prejudicam. Abacaxi por exemplo é minha fruta vilã, a manga e a laranja que normalmente complicam a vida de muitos diabéticos, não me trazem grandes problemas. Prefira sempre as frutas a suco, podemos comer apenas 3 frutas ao dia e a fruta in natura tem fibras que são perdidas quando fazemos suco, como podemos optar por um ou por outro, opte sempre pela versão rica em fibras, nesse caso a fruta inteira.

Os alimentos diet são uma boa opção, porém tirar o açúcar apenas não basta, a farinha  branca e os carboidratos de um modo geral, acabam se tornando glicose no organismo e isso claro, eleva a glicemia.
No meu caso ainda tem um agravante, como estou com pré eclampsia e sou hipertensa, tenho que me preocupar com os níveis de sódio dos alimentos. Alimentos diet normalmente são mais ricos em gordura e em sódio e isso me limita bastante.

Tenho comido muita berinjela, chicória, couve, batata doce, alface, escarola, brócolis, carnes magras e peixe . Estou meio avessa ao frango, mas é uma questão de cisma de gestante. O ideal é ter no prato sempre algum tipo de feijão ou carboidrato da família, como o grão de bico, ervilha ou lentilha, arroz integral (eu infelizmente não consigo comer, me embrulha geral o estômago) uma porção de legumes, uma boa quantidade de salada e uma quantidade de proteína animal que caiba na palma da mão.

Entre as refeições maiores o ideal é comer uma fruta ou tomar um iogurte , a noite a refeição deve ser mais leve, porém similar ao almoço e um chá com duas torradas ou duas bolachas de água e sal, fecham o dia com chave de ouro.

O que fazer com a vontade de comer doce?

Nos momentos que chamo de "neura do doce", nem sempre as frutas dão conta e tenho recorrido as balas de gelatina diet, pudim de chocolate da Oetker diet, o de baunilha não tem gosto de nada e o de caramelo passa bem longe do caramelo, o de chocolate lembra de longe danette. Também gosto muito de H2O que não tem adição de açúcar e a quantidade de sódio principalmente do de maça e limão é bem baixa, os refrigerantes diet, normalmente tem muito sódio e grande quantidade de aspartame e devem ser evitados. Alguns produtos da marca Jasmine como os cookies diet de damasco ou castanhas, as barras de cereal também são deliciosas, crocantes e sem nenhuma adição de açúcar, as embalagens de frutas secas com sementes também tem me salvo nos momentos de fome fora de hora, essas em especial eu gosto muito pois além de saborosas não contém sódio. Eles comercializam embalagens maiores de frutas secas e estou a caça dos cranberries.


Quero para próxima semana fazer um vídeo falando um pouco mais da minha alimentação e quem sabe até me arriscar em uma ou outra receita afim de ajudar principalmente gestantes que estejam na mesma situação. Fiz outro dia um wrap de alface e frango que preciso dividir com vocês, tenho que mostrar como transformo meus pudins diet em mouses saborosos, fáceis e rápidos e passar a receita que inventei de sorvete (ou algo parecido) sem açúcar.

Embora não seja o ideal, como sou obesa, mantendo uma dieta balanceada , tenho perdido peso ao  invés de ganhar , mas sei que nos próximos e últimos meses isso vai mudar, só tenho que cuidar para que o ganho de peso esteja dentro do ideal.

Um dia após o outro matando um leão por dia.

Compartilhar:

5 comentários:

  1. To com 27 semanas e apos o exame fe curva glicemica fui diagnosticada com diabetes gestacional,to arrasada e muito preocupada com isso...minha medica passou dieta zero açucar por
    uma semana e verfificar glicemia 2x ao dia,se nao baixar vamos iniciar com insulina...to apavorada mas com muita fé que vou conseguir so com as mudanças alimentares.Adoro te acompanhar e estamos juntas nessa luta por uma saúde melhor!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Kamila,
      Na minha gestação anterior consegui controlar apenas com alimentação. é preciso muita disciplina e força de vontade, mas é perfeitamente possível.
      Nessa gestação foi mais complicado pq minha diabetes estava mais alta eu com mais sobrepeso , enfim , tive que entrar na insulina , mas veja, a insulina não é o fim do mundo, muito pelo contrário, ela te dá a segurança de que seu bebê estará bem e não será afetado pela alta do açúcar.
      Fique tranquila, tenho certeza que seja como for, vc assim como eu , vai tirar de letra.
      Toda sorte pra ti e grande abraço!

      Excluir
  2. Boa noite. Descobri que estou grávida de aproximadamente 4 semanas e meio segundo a médica. Ela já me encaminhou para uma Drª de alto risco pois minha glicose está 92 e a glicose após 2 horas está 146. Estou muito preocupada com tudo isso. Tenho um filho de 07 anos e é a primeira vez que passo por isso. Além do meu sobrepeso. Com muita disciplina e fé, espero Vencer! Obrigada pelos posts maravilhosos. Que Deus abençoe sua gestação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luana,

      Cada médico tem um ponto de vista, mas depois de duas gestações com diabetes posso te dizer que vc não é diabética . Vc está num quadro de risco sim , se não se cuidar pode vir a desenvolver, mas se cuidar da alimentação evitando açúcar e cuidando da ingestão de carboidratos não terá problemas.
      Fique tranquila.
      Abraços, parabéns pelo e bebê e boa sorte !

      Excluir
  3. Agora vou procurar uma nutricionista e endocrinologista e adequar minha alimentação. Fique menos tensa com sua resposta, pois confesso que toda a felicidade que me cerca, ficou um pouco abalada com a fala da médica. Já estou cuidando da minha alimentação, agora de um forma mais rígida! Obrigada pela atenção!

    ResponderExcluir