Quiropraxia para engravidar e restabelecer a fertilidade

quiropraxia para engravidar e regular a atividade hormonal

Em busca da maternidade muitas mulheres têm recorrido a quiropraxia para engravidar.

Muitas mulheres que vinham lutando contra a infertilidade obtiveram sucesso após tratamento com quiroprático. Com toda a alta tecnologia atual, caros tratamentos de fertilidade, seria possível uma simples consulta com um quiroprático trazer os resultados tão desejados? Pode parecer difícil de acreditar, mas muitas mulheres garantem que sim!

Quiropraxia para engravidar


Alguns especialistas acreditam que os nervos que correm através da coluna vertebral e se estendem até o sistema reprodutor feminino, algumas vezes podem ser bloqueados ou comprimidos. Esse bloqueio ou compressão pode causar distúrbios hormonais que afetam a fertilidade. Ao aliviar os nervos bloqueados ou comprimidos a quiropraxia ajuda engravidar  melhorando e aumentando a fertilidade.

Os Médicos ainda não tem absoluta certeza de como esse processo funciona, mas parece que estudos preliminares apontaram que mulheres que sofreram de infertilidade se beneficiaram e restabeleceram a fertilidade ao se tratarem com quiropráticos tratando as  desordens do sistema neuro-músculo-esquelético.


Outros benefícios da quiropraxia


Além de a quiropraxia ajudar engravidar, ela também é capaz de trazer diversos benefícios a saúde. Outro grande benefício da quiropraxia é tratar e diminuir o estresse e ansiedade. A quiropraxia ajuda a manter o seu corpo equilibrado melhorando dores e a postura.

A quiropraxia é capaz de tratar diversas enfermidades e pode trazer diversos benefícios a sua fertilidade.

O que diz a ciência sobre a quiropraxia para engravidar


Vários estudos  foram realizados e mostraram que a quiropraxia pode realmente  ajudar a aumentar a fertilidade em algumas mulheres. Estes ensaios foram muito pequenos e não incluíram uma grande quantidade de mulheres, por isso mais estudos são definitivamente necessários. No entanto, um tratamento com um quiroprático  tem muitos benefícios para além dos benefícios de fertilidade e deve ser procurado para tratar diversas outras áreas da saúde. Se você sofre principalmente com:

·        dores nas costas
·        dor de cabeça e enxaqueca
·        dor no pescoço
·        dor na coluna
·        dores nos ombros
·        dores nos braços
·        dores nos braços
·        dor na pelve
·        cotovelo de tenista
·        dores no quadril


O tratamento com quiroprático pode ser muito útil e eficaz.

Pé no chão e esperança no coração !
Tatiana da Costa 
Compartilhar:

Vitaminas para aumentar a ovulação naturalmente



Vitaminas e minerais são a chave para manter seu corpo saudável e aumentar as chances de engravidar. Descubra quais as vitaminas para aumentar a ovulação naturalmente.

Nos últimos anos os problemas de fertilidade subiram drasticamente e embora muito se especule a respeito, a resposta exata para o problema ainda é desconhecida. 

Mais de 25% dos casais têm problemas de fertilidade e precisam recorrer a tratamentos para engravidar em algum momento da vida. As opções, no entanto, são diversas e é preciso um bom acompanhamento médico para optar pelo caminho correto a ser seguido.

Antes de decidir utilizar qualquer vitamina ou suplemento para aumentar a ovulação naturalmente, você deve procurar um médico para exames iniciais. Assim  evitará sobrecarregar seu corpo com excesso vitamínico. O excesso é tão ou mais prejudicial que a falta em alguns casos.

As melhores vitaminas e minerais para aumentar a ovulação naturalmente

Os problemas com a ovulação estão entre as principais causas de infertilidade. As vitaminas mais eficazes para aumentar a ovulação naturalmente são:

Vitaminas B

As vitaminas do complexo B são muito eficientes para as mulheres que lutam com a diminuição da ovulação. Quando utilizadas regularmente, as vitaminas do complexo B, principalmente a vitamina B6, aumenta as chances de engravidar e ajuda o sistema reprodutivo a tornar-se mais saudável.

O ácido fólico é uma importante vitamina do complexo B. Também conhecida como vitamina B9, é capaz de melhorar a qualidade dos óvulos quando ingerida na quantidade adequada.

O ácido fólico é essencial para gravidez pois ajuda o feto a se desenvolver normalmente, diminuindo o risco de má formação do tubo neural.


Alimentos que contêm vitaminas do complexo B: cereais, abacate, espinafre, carne de porco, ovos, leite, peixe, espargos, frango, truta, batatas, manteiga de amendoim e bananas.

Vitamina E

A vitamina E é outra vitamina que traz melhoras surpreendentes para a ovulação. Muitas mulheres obtiveram ótima resposta ovulatória apenas utilizando a vitamina E como tratamento. Um estudo mostrou que depois de tomar suplementos ricos em vitamina E, as chances de engravidar aumentam em pelo menos 10%. 
Alimentos que contêm vitamina E são: óleo de germe de trigo, brócolis, sementes de girassol, espinafre e amêndoas.

Ferro

O ferro é um "nutriente de construção do sangue" que pode aumentar a ovulação. Se for tomado juntamente com a vitamina C, os resultados serão ainda melhores. 

A vitamina C além de ser um excelente antioxidante, garante a absorção adequada do ferro no organismo.  Se há uma deficiência de ferro em seu organismo, anemia e constipação podem ocorrer, o que pode ter um impacto muito negativo sobre a ovulação. 
Alimentos ricos em ferro: carne vermelha, frutos secos, feijão, ostras, alcachofras, espinafre, vieiras, gemas de ovos.

Vitamina D

Para as mulheres que sofrem de distúrbios da ovulação, suplementos à base de vitamina D são praticamente obrigatórios. A vitamina D desempenha um papel importante na absorção e regulação do cálcio, que ajuda o corpo manter a regularidade da ovulação. 
Alimentos ricos em vitamina D: ovos, leite em pó, óleo de peixe e cereais fortificados.


As vitaminas são uma ótima opção para aumentar a ovulação naturalmente se você está sofrendo com a infertilidade. 

Procure obter as vitaminas citadas através da alimentação e só recorra a suplementação farmacológica caso o médico indique. Embora suplementos e vitaminas sejam vendidos sem receitas, seu uso não deve ser indiscriminado. Assim como qualquer medicamento só devem ser utilizados caso o médico ateste sua necessidade. 

Pé no chão e esperança no coração !
Tatiana da Costa 
Compartilhar:

Menopausa precoce: É possível engravidar ?


é possível engravidar com menopausa precoce

Engravidar na menopausa precoce é possível? Como lidar com essa notícia principalmente se ainda não é mãe?

O ponto mais importante quando o assunto é engravidar, é a ovulação. Se você recebeu um diagnóstico de menopausa precoce, isso indica que seu corpo está lutando para ovular e essa função logo será totalmente paralisada em seu corpo.

Se você tem menos de 45 anos e recebeu um diagnóstico de menopausa precoce, é porque seus  óvulos saudáveis estão se esgotando e talvez não sejam mais  capazes de serem fecundados e gerarem uma gravidez. 

Causas para menopausa precoce

Você pode ter tido ao longo da vida alguma lesão ou cirurgia que tenha comprometido sua capacidade ovulatória ou mesmo tenha esgotado sua reserva ovariana antes do esperado. Não se sabe ao certo as causas, mas suspeita-se que possam ser genéticas, imunológicas ou iatrogênicas ( em consequência de cirurgia ou medicação).

Esse tipo de notícia pode ser devastadora, sobretudo se você ainda não é mãe. Lidar com o aspecto psicológico da questão muitas vezes é mais difícil que enfrentar os sintomas físicos provocados pelas mudanças hormonais do corpo.

Pode ser difícil aceitar que a maternidade não será possível através de sua genética. Embora outras opções estejam disponíveis, nem todas conseguem aceitar essas oportunidades logo de cara.

Como engravidar com menopausa precoce

No entanto nem tudo está perdido. A primeira coisa a se fazer é se certificar de que sua reserva ovariana está totalmente esgotada. 
Se não estiver, e na maioria dos casos é ainda possível contar com alguns óvulos, é possível estimular a ovulação através de medicação para algumas tentativas naturais. Outra forma ainda mais segura é a Fertilização in Vitro, nesse caso ainda com seus próprios óvulos .

Caso sua ovulação já não esteja acontecendo e os exames determinem o esgotamento total de sua reserva ovariana, a opção além da adoção seria a Fertilização através de óvulos doados.

Bebê adquiri genética da mãe que o gestou


Hoje já se sabe que mesmo a gestação acontecendo através de ovodoação, o bebê adquiri traços genéticos na vida intrauterina da mãe que o gerou.  A íntima ligação entre a mãe e o feto influencia e modifica o código genético do bebê. 

A medicina avança a passos largos e as opções disponíveis são muito animadoras. 

Pé no chão e esperança no coração !
Tatiana da Costa 
Compartilhar:

Chá de canela para descer menstruação funciona?


Muitas mulheres recorrem às alternativas naturais para tratar e resolver problemas do ciclo menstrual. A canela é um desses tratamentos úteis, mas que necessitam de zelo ao serem utilizados.

Canela e a SOP

Um estudo realizado com um pequeno grupo de mulheres, mostrou que o tratamento com canela, pode reverter o quadro de anovulação de mulheres portadoras dessa síndrome. No entanto ressalta-se a necessidade de utilizar a canela apenas nas duas primeiras semanas do ciclo. Por conter propriedades que atuam no útero promovendo as contrações e constringindo o fluxo sanguíneo nesse órgão, a canela pode causar aborto.

A ingestão com a finalidade de estimular a ovulação pode ser feita através do chá dos paus de canela e em forma de pó em sucos, frutas e até no leite.

Sua ação benéfica no tratamento da Sop se deve principalmente a suas propriedades que tratam a resistência a insulina e que inibem o apetite, contribuindo para a perda de peso. Mulheres com sobrepeso podem apresentar dificuldades ovulatórias e tem mais chances de desenvolver a SOP.


Canela e aborto

O uso da canela durante a gravidez é totalmente contra indicado, pois pode provocar aborto. Sua ação abortiva se deve principalmente a sua capacidade de promover  contrações uterinas.

Dessa forma o embrião não consegue se manter fixo no interior do útero, se desprende e é expelido junto com a descamação endometrial.

Se existe suspeita de gravidez, não faça uso de canela.

Canela para descer a menstruação

Muitas mulheres que tentam engravidar recorrem à canela para estimular a descida da menstruação para dar início a um novo tratamento. No entanto a ação da canela com essa finalidade, só funcionará caso o endométrio esteja pronto para descamar.

Ao estimular as contrações uterinas e aumentar o fluxo de sangue no útero, a canela estimula a descamação do endométrio mais rapidamente.

Não se espante se alguns minutos após ingerir a canela, algumas cólicas surgirem.

Esse truque não funciona para mulheres que apresentam endométrio atrófico ou estejam em fase folicular.

No caso da menstruação estar atrasada a mais de 30 dias, a técnica também pode não apresentar resultados positivos.

O impacto da canela no embrião

Um estudo publicado no American Journal of Epidemiology sugere que os filhos de mulheres que ingeriram canela em grandes quantidades durante a gestação, apresentaram maiores  chances de apresentar déficit de atenção, hiperatividade e comportamento agressivo. 

Segundo o professor Jonathan Seckl, da Universidade de Edimburgo isso deixa claro um ponto importante. Evidencia-se dessa forma que o excesso do consumo de canela durante a gestação afeta diretamente o QI da criança, além de permitir que os hormônios do estresse da mãe passem para o filho, interferindo no desenvolvimento cerebral do feto e gerando problemas comportamentais nessas crianças.


Qual o tipo certo de canela ?

A canela segura e indicada para consumo é a canela da índia. Não é raro no entanto,  encontramos a canela da china, que além de não trazer os benefícios de sua prima indiana, é rica em cumarina e pode trazer danos ao fígado e rins.

Fique atenta na hora de adquirir sua canela.

Em caso de gravidez, suspenda o uso da canela e inicie seu pré natal. 

Receita do chá de canela para menstruar

Use 5 ou 6 paus de canela para 240 ml de água.
Se preferir coloque 2 ou 3 cravos . 
O ideal é não adoçar

Os mesmos pauzinhos podem ser utilizados para fazer o chá dos próximos dias sem perder propriedades e sabor. 


Tatiana da Costa 
Pé no chão e esperança no coração!
  
Compartilhar:

Ciclo anovulatório:Menstruar sem ovular é possível ?


É possível menstruar mesmo sem ter ovulado? A resposta até pode ser simples, mas a explicação é um pouco mais complexa.  

É possível menstruar mesmo sem ter ovulado, ou pelo menos apresentar algum sangramento semelhante, mais conhecido como hemorragia anovulatória ou hemorragia estrogênica. 

Não é tecnicamente um sangramento menstrual, uma vez que você não está ovulando, mas é um sangramento promovido pela ação falha do estrogênio entre outros hormônios envolvidos no ciclo .

Ciclo anovulatório

Um ciclo onde existe menstruação mas não existe ovulação é considerado um ciclo anovulatório. Algumas mulheres passam meses “menstruando” normalmente sem ao menos suspeitar que a ovulação não está acontecendo. Existe uma ideia natural de que se a menstruação é regular e frequente, tudo tende a estar ok com a fertilidade. 

A afirmação não é de todo errada, grande parte das mulheres que menstruam com regularidade não apresentam episódios frequentes de anovulação.


Por que ocorre o sangramento anovulatório?

Por que uma mulher continua a ter menstruação se não está ovulando?

Quando o corpo produz estrogênio, que é o hormônio que inicia o espessamento endometrial, mas não consegue manter os níveis adequados desse hormônio para estimular a ovulação, é justamente quando ocorrem os sangramentos anovulatórios.

Menstruação ou sangramento anovulatório?

Existe alguma maneira de saber se você está realmente menstruando  ou apenas tendo um sangramento anovulatório?

Respondendo diretamente, se não houver acompanhamento do ciclo com ultrassom, testes de ovulação ou mesmo medição da temperatura basal, é quase impossível perceber a falha da ovulação.

É fato que ciclos anovulatórios tendem a apresentar sangramentos mais escuros e em menor fluxo, no entanto para algumas o fluxo segue o padrão normal.

Se está tentando engravidar a mais de 6 meses, marque uma consulta para um acompanhamento de do ciclo e confirmação da ovulação.

 Existem outras causas para os ciclos anovulatórios, Por isso é importante conversar com seu médico para uma investigação mais detalhada. 

Como Melhorar a Ovulação



Os problemas ovulatórios são cada mais frequentes . No entanto, antes de partir para tratamentos mais agressivos e com efeitos colaterais importantes, se informe sobre os métodos e dicas naturais para estimular a ovulação.

Assista ao vídeo-5 opções naturais para induzir a ovulação

Pé no chão e esperança no coração !
Tatiana da Costa 
Compartilhar: