quinta-feira, outubro 17, 2013

A ligação entre o sono e a ovulação

Durante toda nossa vida, ouvimos falar sobre o quanto uma boa noite de sono é necessária a nossa saúde e bem-estar. Para que tudo funcione bem, é preciso que nós adultos, tenhamos algo entre 6 e 8 horas de sono. As mulheres, em particular, sofrem com os problemas de sono durante certas épocas do mês que correspondem a determinadas partes do seu ciclo. Mas, a pergunta é, será que o sono afeta a ovulação? Ou será que é a ovulação que afeta o sono? Hoje vamos descobrir se realmente existe uma conexão.

A explicação está na progesterona

Bem, a resposta é a progesterona. Tudo se resume à progesterona, mais uma vez. Quando os níveis de progesterona no organismo são mais altos, ficamos extremamente sonolentas, mesmo durante as atividades diárias e de trabalho normais. A progesterona atua como uma espécie de sedativo, que ajuda a preparar seu corpo para a gestação. É artifício que a natureza usa para que aconteça uma desaceleração de nossas atividades. Dessa forma, nosso organismo terá mais energia para que a implantação e o desenvolvimento das primeiras semanas de gravidez, não sejam prejudicadas.  Por outro lado,  se a gravidez não acontece, poucos dias antes de você menstruar, os níveis de progesterona caem bruscamente, e esse estado de sonolência e moleza pode dar lugar a falta de sono. Não é a toa que a insônia é um dos sintomas de TPM. Isto é devido ao acentuado declínio da progesterona no organismo.

E durante a ovulação , como fica o sono?

A mesma coisa vale para a ovulação. Durante a ovulação, muitas mulheres relatam distúrbios de sono. Isso é porque seus níveis de progesterona são mais baixos. Depois de ovular, no entanto, você vai começar a ver um aumento gradual na sua qualidade do sono.  Nessa fase os níveis de progesterona estão começando a subir novamente e o sono pode começar a aumentar pouco a pouco. 

Progesterona baixa = insônia
Progesterona em alta= mais sono

É por isso que mulheres que sofrem com a falta de ovulação, tendem a ter insônia e muitas noites mal dormidas. 
Uma coisa é certa, sofremos com as alterações hormonais, e entender cada fase do ciclo, poderá facilmente identificar as alterações negativas que podem atrapalhar as suas chances de engravidar . Se você sofre de insônia, pode não estar ovulando corretamente e deve procurar um médico.  

Mais uma vez fica provado que o melhor aliado na hora de engravidar, é o conhecimento sobre o seu corpo, como ele age e reage aos estímulos hormonais. 

Compartilhar:

5 comentários:

  1. Boa tarde!!!

    Uma informação hoje estou no meu 20DC esta semana esta sendo cruel, com muito sono e cansaço, durmo bem a noite mas nao parece suficiente, fiz este mes os testes de ovulação e ovulei no 15DC ou 16DC, nao estou tomando nenhum medicamento para ovular, meu tratamento com indutor acabou no mes passado, sera q este caso de muito sono se refere a ovulação? ou ate mesmo gravidez?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Juliana,
      com diz o texto , o aumento de sono acontece pelo aumento de progesterona . Se está no 20º dia do ciclo e ovulou no 15º, é cedo para falar de gravidez , mas com certeza pode ser um sinal de que houve ovulação e consequentemente produção de progesterona.
      Abçs

      Excluir
  2. Amo seu blog, fico na espectativa de passar das 16:00 há pra ver qual o post novo. Obrigada por todas as informações e sugestões ;)

    ResponderExcluir
  3. Oi estou tentando a 5 anos ter o meu bebê,já fiz todos os exames até o de esterosalpingografia e meu namorado fez o de expermograma, e o meu ginecologista me falou que nossos exames estão ótimos,ele me passou o induz do 5 ao 9 dia,posso tomar o chá do 7 ao 14 dia?

    ResponderExcluir