terça-feira, janeiro 14, 2014

Conheça a Fertilização in Vitro que cabe no seu orçamento

Quando o sonho de ter um filho se torna complicado pelas vias naturais e mais simples, descobrimos um novo mundo de possibilidades através das técnicas de reprodução assistida. Tudo então parece se tornar mais fácil e possível até que nos deparamos com os custos nem sempre acessíveis desses procedimentos. No entanto existem algumas facilidades, para quem sabe, tornar possível a realização de uma Fertilização in Vitro por exemplo. É sobre isso que falaremos hoje.



Programa Acesso

Programa acesso foi desenvolvido para ajudar casais de baixa renda a realizarem seus tratamentos de reprodução assistida com valores acessíveis. 

Através do programa é possível obter até 50% de desconto nos medicamentos que podem chegar a custar até 6.000 reais, além de contribuir com até 35% dos honorários médicos.

Para participar do programa o casal não deve ultrapassar 77 mil reais de renda bruta anual. Para maiores informações entre em contato através do tel. (11) 3038-4408 ou 0800 771 2566, de segunda a sexta, das 8 às 18h.

Após analise financeira do casal, se aptos, basta marcar consulta em uma das 72 clínicas credenciadas em cerca de 31 estados brasileiros.

Programa de Ovodoação

Esse programa da oportunidade para que no mínimo duas mulheres realizem seu sonho de maternidade.

As receptoras normalmente são mulheres que não possuem óvulos de qualidade, que sejam capazes de se tornarem bons embriões. Por esse motivo recorrem a óvulos doados para passarem pelo processo de fertilização in vitro.

As doadoras normalmente apresentam alguma  dificuldade de fertilidade, mas necessariamente devem se encontrar em condições de produzir bons óvulos, além de  obrigatoriamente  ter menos de 30 anos, sem histórico de doença genética na família,  estar preparada psicologicamente para o processo de doação dos óvulos e não ser portadora de doenças infecto - contagiosas.

Desde Abril de 2013, o Conselho Federal de Medicina, determinou que as receptoras contribuíssem financeiramente para o tratamento das doadoras. Na maioria dos casos, o tratamento da doadora é gratuito, ou seja, a doadora de óvulos  recebe  sua Fertilização in Vitro sem qualquer custo.

Mini Fiv

Essa é uma técnica recente, tão eficiente quanto a FIV tradicional, porém com a administração de menos medicamentos, com custos mais acessíveis e inferiores aos custos da FIV tradicional.

Nesse processo, a indução de ovulação é menos agressiva e produz de 1 a 4 óvulos apenas, porém óvulos com mais qualidade.

Os efeitos colaterais das medicações são menores, bem como seus custos que se apresentam de 30 a 40% mais baixos que os custos das medicações para a FIV convencional.

Se compararmos a FIV convencional com a mini Fiv, podemos dizer que o procedimento tem demonstrado taxas gestacionais comparáveis às do FIV-Convencional. Com o benefício da  quantidade mínima de medicamentos utilizados, o que gera menos estresse, menos inchaço, menor retenção de líquido e menor custo financeiro, que chega a ser 30% mais barato que o tratamento convencional.

Muitas clínicas hoje trabalham com os programas acesso e de ovodoação, bem como já utilizam a Mini FIV como tratamento de reprodução assistida e parcelam em até 3 vezes os procedimentos. Para casais de baixa renda recomendo o programa acesso.
Conheça AQUI as clínicas de sua região credenciadas do Programa Acesso. 

Pé no chão e esperança no coração !

Compartilhar: