quarta-feira, setembro 11, 2013

Estresse diminui a qualidade dos óvulos


Embora ninguém possa dizer com absoluta certeza que o estresse é definitivamente uma causa de infertilidade, pesquisas demonstram que ele pode realmente ser um problema para os casais que tentam engravidar. 



As opiniões são divididas, porque há alguns que argumentam que as mulheres podem conceber em situações muito mais estressantes do que entendemos por tensões diárias, geradas pelo ritmo caótico da vida moderna ou os esforços desesperados em busca de engravidar. É verdade que as mulheres nos países afetados pela fome e disputas sociais, não têm problemas em engravidar por causa de estresse, afinal vivem assim desde sempre, e até com o que é ruim somos capazes de nos acostumar, mas também é verdade que o estresse afeta a ovulação de uma mulher, muitas vezes atrasando o ciclo ou promovendo ciclos anovulatórios.

Assim, mesmo se não são 100% de certeza de que o estresse é o que está impedindo você de engravidar, há fortes possibilidades de que o estresse tem algo a ver com a sua dificuldade, especialmente se você não sofre de qualquer condição biológica que causa infertilidade.

O estresse pode atrasar a ovulação

Altos níveis de estresse podem afetar o funcionamento do seu hipotálamo, a área do cérebro responsável pelo envio e recepção de sinais a partir do seu sistema reprodutivo. Seu ciclo menstrual é um sistema complexo de comunicação entre seus ovários e seu cérebro,  de forma que o estresse em seu cérebro pode afetar o seu ciclo.

O Estresse pode diminuir a qualidade dos óvulos

Alguns estudos apontam para o fato de que as mulheres que estavam constantemente estressadas e ansiosas sobre sua fertilização in vitro tiveram 20% menos óvulos com condições de fertilização. Além disso, os mesmos estudos mostraram que as mulheres que estavam altamente preocupadas com a falta de trabalho tiveram 30% menos óvulos disponíveis para serem fertilizados. Isso prova que o estresse mexe diretamente com a qualidade dos seus óvulos.

Estresse afeta cada mulher de forma diferente

O estresse é administrado de forma diferente por cada mulher, de modo que o conjunto de reações em que o stress gera em uma mulher pode não ser o mesmo conjunto de reações que gera em outra, somos seres individuas. Pense em ganhar ou perder peso por causa do stress. Enquanto algumas pessoas ganham muito peso em períodos estressantes do tempo, outros perdem peso de forma significativa, quando confrontado com as mesmas circunstâncias. Uma coisa é certa: o estresse não é saudável, especialmente para uma futura mamãe.

Como reduzir o estresse

Tente algumas técnicas de relaxamento, em vez de ficar acordada à noite se perguntando o que está errado com você. Você nunca sabe o que uma mente poderosa pode fazer. Fique calma, seja confiante e entenda que seu corpo talvez precise de um pouco mais de tempo. E lembre-se que 90% dos casais sem problemas de infertilidade reais, vão conseguir engravidar dentro de 18 meses de tentativas. Então deixe que essa estatística tranquilizadora domine seu pensamento e viva um dia de cada vez.



A cópia ou reprodução deste texto só será permitida se os créditos forem mantidos. Nome do autor e link de redirecionamento ao blog de origem, devem ser inseridos no início ou fim do texto copiado. Plágio é crime !

Compartilhar:

4 comentários:

  1. MINHA MESTRUAÇÃO DESCEU DIA 05/11 E ATE AGORA NADA SERÁ QUE POSSO TA GRAVIDA...ME AJUDE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Calma,menina. Não deu nem um mês da menstruação. Leu o artgo? Isso é sinal de ansiedade

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Amiga , toda tentante tem a possibilidade de engravidar. Aguarde pelo menos 5 dias de atraso, e com tranquilidade , faça um beta.
      Boa sorte !

      Excluir