terça-feira, março 19, 2013

Vitamina D para aumentar a fertilidade

O casal decide engravidar e a primeira vitamina inserida na dieta  é o ácido fólico. O ácido fólico é realmente indispensável, mas estudos recentes informam que uma outra vitamina também merece atenção especial tão logo seja dada a largada para os treinos, é a vitamina D.


Até pouco tempo atrás, sabia-se apenas da importância dessa vitamina para o metabolismo ósseo, mas ultimamente tem sido envolvida em assuntos sobre fertilidade.


Descobriu-se que essa vitamina é importante tanto para os óvulos quanto para os espermatozoides. A vitamina D , existe dentro do folículo ovariano, que depois se transformará em óvulo. Facilita a fecundação por ajudar na produção de óvulos de qualidade. Suspeita-se que a baixa dessa vitamina também esteja presente na síndrome dos ovários policísticos (SOP). A suplementação dessa vitamina no organismo, pode ter ação coadjuvante para induzir a ovulação. Além do que é capaz de aumentar as defesas do organismo, diminuindo as chances de aborto e favorecendo as condições do endométrio para implantação do embrião. 



Na fertilidade masculina, age diretamente na qualidade do sêmen e na quantidade de testosterona. 

Homens que tem uma boa taxa de vitamina D no organismo tem espermatozoides mais rápidos. O espermograma mostrou peixinhos lentos, preguiçosos? Dê uma turbinada neles com a vitamina D, que parece ser como um combustível natural para os espermatozoides.

Não é aconselhável sair fazendo uso da vitamina sem indicação médica. O excesso de vitamina D pode causar problemas cardíacos, por isso, o ideal é que seu médico peça exames para verificar a taxa da vitamina no sangue do casal. Se possível e necessário, podem ser prescritas cápsulas para reposição da vitamina no organismo. Nada de auto medicação !!!


Principais alimentos ricos em Vitamina D

Manter uma dieta equilibrada e rica em vitamina D, pode ser uma forma saudável e segura de cuidar da sua fertilidade. Abaixo os principais alimentos que contêm vitamina D.



Atum fresco 

Salmão

Sardinha fresca 

Sardinha enlatada 

Manteiga 

Cogumelos 

Leite 
Gema de ovo 
Ovo de galinha 
Fígado de boi 
Iogurte 


Pé no chão e responsabilidade sempre !

Tatiana da Costa 





Fonte: Guia do Bebê uol
Revista Crescer
Dr Rondó
Tua saúde


 

Compartilhar:

Um comentário:

  1. Nossa eu comi bastante tudo isso que você falou, sem saber! Será que foi por isso que engravidei rapidão? beijos

    ResponderExcluir