segunda-feira, março 18, 2013

Para engravidar é melhor ter relação todos os dias ou em dias alternados?

Os treinos começam e em busca de informação que acrescente e faça diferença, começam as pesquisas desesperadas pela internet. Cada site que se abre é uma informação diferente e a cabeça da um nó. Afinal, como proceder ? Que informação é a correta? 

Quando nascemos, nós mulheres, já nascemos com cerca de 450 milhões de óvulos, aos quais apenas alguns serão liberados durante toda a nossa vida fértil. Todo mês alguns folículos se desenvolvem, e dentro deles encontram-se os óvulos, porém liberamos apenas um, os outros regridem dentro dos folículos e morrem. Não fabricamos óvulos durante a vida, temos determinada quantidade e quando ela acaba, é o fim da capacidade reprodutiva da mulher. Normalmente isso acontece por volta dos 50 anos. Algumas de nós esgotam essa reserva mais cedo, é a chamada menopausa precoce. 

Diferente de nós, nossos parceiros renovam seu estoque de espermatozoides com certa frequência. A cada 70 dias, todo o estoque é renovado. Os espermatozoides são produzidos e ainda imaturos, ficam armazenados no epidídimo (ducto que coleta e armazena os espermatozoides)até que atinjam a maturidade.

A contrário do que muitas acham, ter relações todos os dias não vai favorecer a concepção, muito pelo contrário. É necessário que haja um intervalo para que a quantidade e qualidade dos espermatozoides seja restabelecida. Se a relação acontecer um dia após o outro, os espermatozoides não serão ejaculados em número suficiente e sua qualidade não será satisfatória, dessa forma, não terão condições de fecundar o óvulo. Espermatozoides de baixa qualidade, imaturos, dificilmente conseguirão fecundar o óvulo, e se por ventura acontecer, a chances da gravidez não progredir são grandes. Ao identificar, na divisão celular, que o ovo fecundado tem problemas, o organismo o expulsa.

Então quanto mais tempo esperar melhor :) ?

Não. O ideal é que o intervalo não seja maior que três dias. Ao fim de quatro dias sem ejaculação, os espermatozoides armazenados perdem mobilidade e dificilmente conseguirão chegar até as trompas.
Há que se levar em conta que a grande maioria dos espermatozoides morrem ainda no útero, uma menor quantidade consegue chegar as trompas, por isso é importante que esses espermatozoides sejam rápidos e de qualidade.

O ideal é que a relação aconteça em dias alternados. Dessa forma sempre haverão espermatozoides a caminho do óvulo. É possível que ao ser liberado, já exista um espermatozoide a espera do óvulo.

É importante que o homem tenha consciência de que para aumentar as chances de engravidar, ele não deve ejacular todos os dias. Um esforcinho e colaboração dos moços é necessário e muito bem vindo. Uma boa conversa para esclarecer essa questão é necessária. Não deve haver relação e nem masturbação, os espermatozoides tem que ficar guardadinhos para amadurecerem e fazerem seu trabalho com perfeição.

Pé no chão e esperança no coração !

Tatiana da Costa 





Compartilhar:

2 comentários: